Não-africanos são parte neandertais, diz estudo

18/07/2011 19:32

Estudo encontrou DNA neandertal em humanos modernos.
Descoberta reforça teoria de cruzamento entre as espécies. 

Pessoas sem ascedência africana têm um pedaço dos neandertais dentro de si. É o que afirma um estudo genético feito na Universidade de Montreal, no Canadá, e divulgado nesta segunda-feira (18) no jornal especializado “Molecular Biology and Evolution”.

O homem de Neandertal é uma espécie extinta do gênero Homo (o mesmo dos humanos modernos, os Homo sapiens) , que teria deixado a África entre 400 mil e 800 mil anos atrás – muito antes dos Homo sapiens, que saíram do continente há algo entre 50 mil e 80 mil anos.

Os neandertais viveram na área onde hoje está a França, a Espanha, a Alemanha e a Rússia.

O motivo da extinção da espécie é objeto de muita pesquisa. Estudos recentes indicam que os neandertais e os primeiros Homo sapiens teriam cruzado entre si e que os primeiros teriam sido “absorvidos”.

Essa hipótese é fortalecida pela pesquisa canadense, afirma o líder do estudo, Damian Labuda.
O grupo identificou, há dez anos, um pedaço de DNA no cromossomo X humano diferente do resto, cuja origem era desconhecida.

Agora, depois de ser completado o genome do Neandertal, a equipe comparou os cromossomos das duas espécies e descobriu que esse pedacinho desconhecido era, na verdade, DNA neandertal. Trecho que foi encontrado em pessoas de todos os continentes, menos da África.

 

Fonte: http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2011/07/nao-africanos-sao-parte-neandertais-diz-estudo.html